M.W.health
Remédios e Suplementos Naturais
 
 

Compreendendo o Declínio de Libido nas Mulheres

  M.W.health  
 
 
 

A sua perda de libido afeta sua qualidade de vida? Você quer fortalecê-la e reviver momentos intensos? Aja especialmente rápido, e não se deixe arrastar para o círculo vicioso que é pensar que simplesmente não quer mais e que isso é incurável. A perda da libido em mulheres é uma situação muito comum; afeta milhões de mulheres em todo o mundo, em qualquer período de suas vidas.

Se você sofre de uma falta de desejo sexual, vive uma condição que é muito difícil de ser aceite, tanto por você quanto por seu parceiro. Ainda assim, é muito importante determinar a causa da perda de libido e não permitir que a situação se prolongue, assim como escolher a solução adequada para voltar a satisfazer a sua sexualidade mais facilmente.

A perda de libido em mulheres é, em geral, mal compreendida. Certamente já lhe causou grande frustração, tristeza e falta de autoconfiança, e é na maioria das vezes causada por razões que são difíceis de explicar e detectar. É por isso que é muito importante conhecer bem os fatores responsáveis por sua ocorrência, para melhor identificá-la e superá-la.

As Principais Causas da Perda de Libido nas Mulheres:

Se você não tem desejo sexual, não tome a mesma posição que muitas mulheres tomam ao repetir uma destas replicas: “Eu não estou a fim” ou “Eu não tenho desejo algum de fazer amor."

Ambas estas ideias a arrastam para um círculo vicioso permanente que você deveria evitar, além entender o que causa a perda de libido e combater isso. Vamos explorar os principais fatores responsáveis por essa perda de desejo sexual:

Fatores psicológicos da perda de libido:

psicológicos da perda de libidoA_depressão, muito estresse no trabalho ou em casa, falta de disponibilidade ou tempo, fatiga mental, uma recente perda ou ausência de prazer durante o sexo... Todos estes fatores psicológicos a impedem de desfrutar um desejo sexual normal sem que você perceba.

Falta de autoconfiança também afeta fortemente a libido feminina. Se você ganhou peso ou deu a luz recentemente, sua forma física pode-lhe causar um desconforto significativo. Esse desconforto então se traduz em uma grande timidez frente a sua nudez enquanto você luta para aceitar seu corpo, e essa rejeição de si mesmo causa uma diminuição do desejo sexual. Esta causa está entre os principais fatores para a perda da libido em mulheres.

Conflitos muito frequentes entre o casal são uma das principais causas psicológicas da perda de libido. A presença muito frequente de brigas e mal-entendidos entre casais. Você se sente tensa demais, perde o desejo e rejeita o cônjuge, o que causa uma queda significativa de libido.

A rotina é uma assassina da libido. A falta de ternura, de paixão, de surpresas… Pode ser hora de quebrar a rotina com jantares surpresa ou jogos eróticos para reviver seu vigor sexual e aumentar a libido.

O uso de determinados medicamentos são também fortes responsáveis, pois às vezes, a medicação pode ter efeitos colaterais. Os efeitos colaterais de antidepressivos, hipotensores e neurolépticos podem causar uma diminuição significativa da libido nas mulheres e também nos homens.

Relações sexuais dolorosas tornam-se desconfortáveis se você sentir dor durante as relações sexuais devido à secura ou tiver feridas ou fungos (candidiase). Nessas condições terá dificuldade em desfrutar de suas atividades sexuais. Essa é uma perda de libido muito comum nas mulheres e pode causar uma perda total do desejo sexual.

Todos estes fatores e muitos outros são responsáveis pela perda de libido em mulheres, e se você não assume o controlo hoje, pode sofrer com essa indisposição por um período prolongado, o que vai afetar consideravelmente sua qualidade de vida e da vida do seu parceiro.

Como Aumentar a Libido Feminina

Não é de hoje que muitas mulheres sofrem com a falta de libido durante alguma fase da vida, que depois vai-se arrastando por longos períodos até que a mulher percebe que algo está errado com sua vida sexual. É a hora em que a maioria das mulheres resolve tomar alguma atitude para aumentar a libido novamente.

Aumentar a Libido FemininaOs_motivos da baixa libido podem ser vários, mas é importante saber de uma coisa: a libido baixa não pode ser permanente. A verdade é que a falta de libido quando acontece, além de muito desagradável, pode acontecer com qualquer mulher, em qualquer altura, até nas que mantêm uma vida sexual ativa.

E embora geralmente esse problema esteja associado a mulheres com uma saúde mais frágil, já que todos os aspectos da saúde podem afetar o seu desejo sexual e, portanto devem ser levados em consideração, a verdade é que pode acontecer a qualquer uma. A maternidade pode ser um dos fatores para a falta de desejo da mulher, e é natural, mas pode e deve ser tratado.

Para aumentar a libido feminina, existem processos e processos, mas com algumas dicas é possível também mudar essa situação. Além da suplementação que ajuda a restaurar e aumentar a libido feminina existe algumas coisas que você pode fazer para a ajudar a recuperar o desejo e apetite sexual.

7 dicas para aumentar a libido feminina

O apetite sexual feminino está muito ligado ao seu bem estar tanto físico quanto emocional. A lubrificação vaginal na mulher é um dos primeiros sinais da excitação feminina, é como se fosse a ereção masculina e é um dos primeiros sinais que aparecem.

Cansaço, tensão, menopausa, estresse, são alguns dos fatores que podem contribuir para a baixa libido feminina, tratar esses problemas com alguns novos hábitos podem ajudar e muito quem sofre desse mal. Continue lendo e veja como aumentar o apetite sexual de uma forma natural e bem duradoura.

1. Praticar exercício físico

A prática de atividades físicas ajuda a melhorar o condicionamento físico, além de melhorar a disposição, o humor e auto estima entre vários outros benefícios para a saúde. As atividades físicas ajudam a melhorar a lubrificação vaginal assim como a irrigação também, o que leva a um maior desejo sexual.

2. Exercícios de kegel

Existem alguns exercícios que contraem e relaxam os músculos da região pélvica, que ficam localizados dentro da vagina, esse tipo de movimentação ajuda a aumentar a circulação da região, melhora os músculos internos, além de alongar o canal vaginal. Essa prática deixa o colo do útero mais alto, e dessa forma a entrada do pênis não machuca mesmo em posições em que a penetração é mais profunda.

3. Alimentos afrodisíacos

Alimentos afrodisíacosGengibre, pimenta, açafrão dentre vários outros alimentos afrodisíacos, aumentam a produção hormonal e ajudam a melhorar a circulação sanguínea, além de ajudar a aumentar a libido feminina.

Esses alimentos devem ser consumidos de preferência todos os dias, em todas as refeições para que os efeitos sejam duradouros, embora não seja necessário utilizar todos em conjunto. É possível apostar também em chás e alguns suplementos para apimentar ainda mais a relação.

4. Aumentar a lubrificação vaginal

Existem vários produtos hoje no mercado que podem facilitar muito quem sofre com esses problemas de baixa libido. Alguns geles femininos quando usados na região genital, podem ser eficazes, já que facilita o atrito entre a pele do casal.

5. Tomar sol

Todo mundo sabe que se expor ao sol nos horários certos e recomendados, como o início da manhã e final de tarde, os horários em que o sol não é prejudicial à saúde, ajuda a absorção da vitamina D, o que ajuda a fortalecer os ossos.

Mas o sol também faz benefícios para aumentar a libido feminina, já que ele ajuda na produção hormonal que também aumenta a autoestima da mulher, o que facilita muito o desejo e contato íntimo.

6. Passar tempo com o parceiro

intimidade e libido mulherA_grande maioria das mulheres se sente melhor sexualmente, quando está feliz e tem contato com o parceiro. Passar o tempo juntos; ir ao cinema, dançar e passear são coisas que ajudam a mulher a se sentir mais valorizada, e isso tende a ter grande inclinação para o sexo. Algumas mulheres já preferem o contato físico através do toque, ao ganhar mimos, elogios, isso estimula ainda mais as mulheres.

Por isso é importante que o companheiro descubra e saiba o que mais agrada a sua namorada, e assim investir em estratégias para que a mulher tenha o seu apetite sexual aumentado, pois isso ajuda muito na qualidade das relações sexuais.

7. Conheça seu corpo

Se tocar é uma das formas de conhecer o próprio corpo, saber onde é mais gostoso, qual o jeito do toque que lhe agrada mais. É muito importante que toda mulher saiba disso. Durante o banho é uma das horas mais propícias para conhecer melhor a região íntima, saber onde se encontra o ponto G, o clitóris, a largura e a profundidade do canal vaginal, saber qual o local que mais lhe proporciona prazer. É importante saber estimular-se para conseguir chegar ao orgasmo.

Depois de todas essas dicas, é válido lembrar que a mulher é muito mais do que apenas uma zona erógena, para ter contato íntimo e sexual com a mulher o homem precisa saber que é preciso estimular o corpo todo, inclusive a mente. Contato físico nem sempre é o suficiente para excitar uma mulher. Usar a imaginação, muitas vezes é o que falta para aumentar a libido feminina.

 
 
Escrito ou Revisto por
 
 
melhor
 
 
 
 
Siga-nos:

Ou recomende nossa página para seus amigos
» Sobre » Contatos » Condições
As informações contidas neste site têm por objetivo apenas fins educacionais. Esta informação nunca deve ser tida como conselho medico ou como prescrição de tratamentos para qualquer doença.
Men and Women Health® Todos os Direitos Reservados